notícias

tna NOMEIA JONATHAN RANKIN COMO NOVO CEO

Sydney, Austrália, 17 de janeiro de 2019A tna tem o prazer de anunciar a promoção de Jonathan Rankin ao cargo de CEO (diretor executivo). Jonathan retornou recentemente à tna como CSO (diretor de vendas) e conduzirá agora as operações diárias da empresa, concentrando-se na implementação de novos processos que levarão as eficiências operacionais e o crescimento da tna a um novo patamar.

Fundada em 1982 por Alf Taylor e sua esposa Nadia, a tna revolucionou a indústria de petiscos inventando o primeiro sistema rotativo de movimento contínuo de alta velocidade do mundo, o VFFS. Desde então, a empresa cresceu da pioneira das embalagens australianas para uma líder global de soluções de processamento e embalagem de alimentos para uma ampla gama de indústrias, incluindo petiscos, doces e produtos frescos e congelados.

“Nosso crescimento nos últimos anos tem sido incrível”, comenta Alf Taylor, cofundador e diretor administrativo da tna. “Agora, operamos em 30 localidades e empregamos mais de 500 pessoas talentosas no mundo todo. Um grande passo adiante desde os tempos em que Nadia e eu começamos o negócio em nossa mesa de jantar. Nos últimos 36 anos, adicionamos algumas pessoas realmente incríveis à nossa equipe, conquistamos um grupo fantástico de clientes e nos estabelecemos como uma líder global no mercado de fabricação de petiscos. Jonathan celebrou alguns de nossos marcos mais importantes conosco e desempenhou um papel fundamental em nosso crescimento. Ficamos muito felizes quando ele decidiu voltar e mal podemos esperar para ver quão além ele levará o negócio.”

A experiência de Jonathan na indústria alimentícia já dura mais de três décadas. Tendo ocupado diversos cargos de gerência global na tna de 1993 a 2003, ele retornou à tna no início deste ano para supervisionar a sua divisão de vendas globais. Ele possui grande conhecimento da cultura da empresa, dos objetivos dos negócios e do portfólio de soluções integradas de processamento e embalagem de alimentos. Antes de retornar à tna, ele atuou como gerente geral da Marel, uma especialista em processamento de alimentos, em que foi responsável pelo crescimento bem-sucedido das operações da empresa na Oceania.